domingo, 13 de março de 2011

O Carnaval na terra dos moinhos





Bem vindo a Lampegat, ou melhor Eindhoven !




É isso mesmo, durante o carnaval as cidades Holandesas (em sua maioria as cidades do Sul da Holanda), adotam nomes ficticios para tornarem o carnaval ainda mais animado, no caso de Eindhoven o nome Lampegat foi atribuído no passado em homenagem a Philips (lampe em Holandês significa lâmpada). Se você está curioso para saber quais os nomes de algumas outras cidades holandesas durante o carnaval, não passe vontade, tem um link do Wikipedia aqui cheinho deles.
Confesso que no Brasil não gostava muito de carnaval, raras as vezes em que eu assistia a um desfile, participar então, nem pensar.

Minha opinião/visão sobre o carnaval daqui começou a mudar logo em nosso primeiro ano, lembro que fazia muito frio, ainda se via neve no chão, um frio daqueles e mil motivos para ficar quietinho em casa, mas isso não foi impecilho algum para jovens, idosos, solteiros, casados, e familias inteiras que arrumavam suas fantasias e caiam na brincadeira.
O carnaval de Eindhoven, e talvez do Sul da Holanda é realmente bem familiar, as brincadeiras sadias e o ambiente amigável tornam isso tudo algo muito especial e envolvente.
As fantasias são as mais variadas, e passam por conto de fadas, monstros, bombeiros, Lordes e Imperatrizes e até mesmo misturas criativas de cores e as mais loucas combinações (clique nas fotos para amplia-las).



No sábado, durante o desfile (optocht), é possível encontrar todo mundo na rua vestindo suas fantasias e prestigiando os carros alegóricos que embora muito simples, são bastante criativos e trazem um pouco de história, costumes e claro muita animação.

Já nos outros dias, a comemoração costuma ocorrer em locais fechados, seja na tenda montada no centro da cidade, ou em clubes e associações, sempre é claro com uma bandinha e muita cerveja.
Na Holanda, diferente do Brasil, o carnaval não é feriado, e exceto pelas escolas e instituições de ensino, comércio e serviços funcionam normalmente.






Como em Março as temperaturas estavam muito mais agradáveis (por volta de 6 e 8 graus centigrados), isso sem dúvida contribuiu para que a festa fosse ainda mais divertida.








Leia também:
De Eindhoven para o mundo
Keukenhof o jardim da Europa
Castelos Medievais na Holanda

Um comentário:

Cris Bogers disse...

Este ano estava bem mais quentinho e quase me atrevi a cantar :...atravessamos o deserto do Saara o sol estava quente e queimou a nossa cara...kkkkk

Parabens pela publicacao !